Você está em: Home CIDADE Músicos de Qualidade: Ipu é palco do 1º IPU-EMCE realizado pela ACAI


Ontem, quarta-feira (24/11) a cidade de Ipu foi palco do 1º Encontro de Músicos do Estado do Ceará (IPU-EMCE), realizado pela recém criada Associação de Cultural e Artes de Ipu (ACAI) com o intuito de promover os talentos de nossa terra para todo o estado.

Sem ajuda de nenhum orgão público e quase que desacreditados por muitos, os músicos Ivanildo Neves e Marcos Carvalho enfrentaram todos os obstáculos e realizaram um evento de música jamais visto na história de nosso município.

Com uma grande presença de público, que lotou a Praça de Iracema e uma variação enorme de estilos e gostos musicas. Puderam ouvir do Romantismo passando pelo Pop atravessando o Clássico, dançando com o Reggae e gritando com o Heavy Metal. Foi assim que marcou esse primeiro de muitos que viram pela frente do Encontro de Músicos do Estado do Ceará realizado em solo Ipuense.

Na oportunidade também foi gravado o 1º DVD solo da carreira desse que é considerado por muitos um grande músico da Terra de Iracema, Ivanildo Neves e com participação de convidados como o presidente da AFAI Gutto Pontes, o saxofonista Jorge Nobre, o baterista ipuense residente em São Paulo, Kelson Nunes, presença também dos Filhos do Maestro Lázaro, Beethoven e Lázaro Filho, do irmão do pianista Ivanir do Bandolim, finalizando com a voz do cantor Josenir Gabriel (Ninja) cantando uma composição de Marcílio Lima.



Caderno: CIDADE
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire